domingo, 31 de maio de 2015

A cada passo
um traço
um rastro
um lastro
efêmero
volátil
sutil
contumaz
único
agudo
profundo
eterno!


Adeilton Lima

Nenhum comentário: