quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Nas entrelinhas residem os abismos e os labirintos do verso... Um círculo do inferno onde se deve ir sozinho!


Adeilton Lima

4 comentários:

Renata de Aragão Lopes disse...

e são tantas
as entrelinhas...

beijo,
doce de lira

Solange disse...

e de onde se deve voltar acompanhado...

Adeilton,
que blog bacana... quanta coisa boa li por aqui... tantas reflexões... amei a escultura do Israel, fui aluna dele, um mágico...

parabéns, viu ?

beijo

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Adeilton Lima disse...
Este comentário foi removido pelo autor.