segunda-feira, 10 de março de 2008

As Mulheres Carroceiras

As mulheres carroceiras têm peitos grandes
Amamentam?
Os meninos esquálidos
No lombo da vida
No meio do mundo
As mulheres carroceiras
Dão chicotadas no cavalo
Com sua obediência sem relincho
Suportando a carga do dia seguinte
Pra encher a marmita de capim
As mulheres carroceiras
Lambem o asfalto da cidade
Sobre potros alados
Aladim sem lâmpada mágica
Catando velharias
Em ruelas semi-nuas
Cacos de esquinas no fundo das latas
As mulheres carroceiras
As carrocerias vazias
O suor do cavalo ou da égua
Com sede, com fome
Apenas o sal
Amargo
Do deserto
Ou do cerrado

Adeilton Lima

Nenhum comentário: